Surge protective devices for MCR technology

Surge protection for MCR technology

In measurement and control technology (MCR technology), surge protection ensures interference-free signal transmission. The high quality and availability of the transmitted signals is essential for smooth operation. Our surge protective devices offer an ideal solution for all applications in MCR technology. System failures can thus be avoided.

Mais informações

Vantagens

  • Proteção consoante as necessidades graças ao portfólio de produtos completo de dispositivos de proteção contra sobretensões transitórias para todos os sinais MCR convencionais
  • Utilização versátil: formatos e tecnologias de ligação adaptados à aplicação
  • Verificação fácil graças a versão encaixável de dispositivos de proteção contra sobretensões transitórias
  • Utilização universal em áreas com atmosfera potencialmente explosiva através das certificações ATEX e IECEx
  • A proteção contra sobretensão para tecnologia MCR faz parte do sistema COMPLETE line
Configurador de equipamentos de proteção contra sobretensões transitórias para a tecnologia de medição, controlo e regulação

Configurador de equipamentos de proteção contra sobretensões transitórias para a tecnologia de medição, controlo e regulação em utilização

Configurador de proteção contra sobretensão para tecnologia MCR

A tecnologia MCR combina diversos cabos e inúmeras interfaces. Através destes cabos é possível acoplar sobretensões em todas as interfaces. Apenas dois passos para a proteção contra sobretensão correta para a tecnologia MCR.

Família de produtos TERMITRAB complete

Família de produtos TERMITRAB complete

TERMITRAB complete – A gama de produtos a partir de 3,5 mm

TERMITRAB complete é a proteção contra sobretensão mais estreita do mundo para a tecnologia MCR. Com esta família de produtos irá obter um sistema completo. Abrange desde uma proteção contra sobretensão simples de um andar até variantes encaixáveis de vários níveis com separação por faca, sinalização e opção de sinalização remota.

Os dispositivos de proteção contra sobretensões transitórias mais estreitos têm uma largura de apenas 3,5 mm. Desta forma, obtém uma economia de espaço de até 50 % em comparação com instalações de uma largura total de 7 mm.

Os dispositivos de proteção da família TERMITRAB complete oferecem uma sinalização mecânica que indica o estado dos dispositivos de proteção sem energia auxiliar adicional. Os módulos de sinalização remota disponíveis opcionalmente também monitorizam oticamente até 40 dispositivos de proteção. Em caso de sobrecarga térmica, os módulos de sinalização remota comunicam o estado sob a forma de mensagem coletiva, por ex., à sala de comando através de um contacto sem potencial de terra.

As características da família de produtos TERMITRAB complete

TERMITRAB complete
Dispositivos de proteção
TERMITRAB complete
Separação por faca integrada da TERMITRAB complete
Variantes encaixáveis da TERMITRAB complete
TERMITRAB complete oferece uma solução adequada mesmo para a proteção de sinais em circuitos de segurança intrínseca com tipo de proteção contra ignição de segurança intrínseca.
Proteção contra sobretensão para tecnologia MCR - PLUGTRAB PT-IQ

Cores de sinalização inequívocas para o estado do dispositivo de proteção

PLUGTRAB PT- IQ – saiba sempre o que está a acontecer

PLUGTRAB PT-IQ oferece uma monitorização em vários níveis dos dispositivos de proteção contra sobretensões transitórias. Assim são considerados todos os componentes de limitação de tensão dos circuitos de proteção. O controlador alimenta com tensão até 28 dispositivos de proteção. Ao mesmo tempo, garante a sinalização remota de grupo. Um sinal de estado amarelo indica que o limite de desempenho foi alcançado devido a sobretensões transitórias frequentes. A proteção contra sobretensão continua operacional e, além disso, o sistema está protegido. Com o estado amarelo é recomendada a substituição para evitar serviços de manutenção desnecessários.

  • Verde: dispositivo de proteção O.K.
  • Amarelo: limite de capacidade atingido, substituição recomendada
  • Vermelho: sobrecarregado, substituição necessária
Proteção contra sobretensão encaixável em réguas de bornes - CLIXTRAB

CLIXTRAB: a combinação de proteção contra sobretensão e réguas de bornes

Poupança de espaço para tensões de sinal elevadas

A família de produtos CLIXTRAB foi concebida para sistemas de segurança relevantes, como, p. ex., na indústria ferroviária. Os artigos são constituídos por réguas de bornes push-in com separação por faca e a correspondente ficha de proteção contra sobretensões transitórias. Com os acessórios padronizados para o sistema de réguas de borne, os artigos adaptam-se perfeitamente à sua instalação nova ou já existente.

Com CLIXTRAB, está a apostar na segurança: o circuito de proteção potente com proteção contra sobrecarga integrada garante a máxima disponibilidade da instalação. A codificação mecânica do conector assegura a segurança durante os trabalhos de manutenção, impedindo um encaixe incorreto.

Além disso, a proteção contra descargas atmosféricas e contra sobretensão oferece uma possibilidade de diagnóstico rápida e simples. Com a sinalização remota opcionalmente disponível, monitoriza os seus equipamentos facilmente à distância. Através da ligação à sua infraestrutura digital, está excelentemente preparado para o futuro. As verificações periódicas são realizadas de forma simples com o CHECKMASTER 2.

Proteção contra sobretensão para a ligação direta nas cabeças do sensor

SURGETRAB S-PT: proteção contra sobretensão para a instalação direta no dispositivo de campo

SURGETRAB S-PT – instalação direta no dispositivo de campo

Os SURGETRAB são dispositivos de proteção contra sobretensões transitórias para todos os sinais padrão convencionais que são fixados com as respetivas roscas de ligação diretamente na cabeça do sensor. Este tipo de montagem poupa tempo e custos, deixando de ser necessário utilizar uma caixa de junção adicional para instalar a proteção contra sobretensão.

Estão disponíveis variantes de ligação para a cablagem de passagem e paralela. Deste modo, existe a possibilidade de ligar o circuito de proteção à interface do sensor do valor de medição em linha ou de forma paralela. No caso da variante para cablagem paralela, é necessária uma segunda rosca de ligação na cabeça do sensor.

Sempre a proteção contra sobretensão mais adequada

A Phoenix Contact oferece-lhe componentes inovadores de proteção contra sobretensão para todos os requisitos da tecnologia MCR.

TERMITRAB complete

PLUGTRAB PT-IQ

PLUGTRAB PT

SURGETRAB

Tipo de montagem Calha DIN Calha DIN Calha DIN Pode ser aparafusado ao dispositivo de campo
Largura total 3,5 mm / 6,2 mm 17,5 mm 17,5 mm 1/2 polegadas / 3/4 polegadas
Tecnologia de ligação Push-in/parafuso Push-in/parafuso Parafuso Cabos
encaixável/não encaixável sim/sim sim/não sim/não não/não
Indicação de estado de 2 níveis, mecânica de 3 níveis, LED não não
Sinalização remota opcional sim não não
Pode ser testado com Checkmaster 2
Versões de segurança intrínseca

Aplicações típicas na tecnologia MCR

Dispositivo de proteção para circuitos de sinal isolados

Dispositivo de proteção para circuitos de sinal isolados

Circuitos de sinal isolados

Grandezas de medição analógicas, como velocidade de rotação, pressão, fluxo, etc., são registadas por sensores e convertidas em valores de corrente ou de tensão por transdutores. A transmissão para o controlador ou módulo de isolamento realiza-se dentro de um intervalo de valores normalizado. O denominado "circuito 1x2" é tipicamente utilizado para este tipo de processos de transmissão analógicos.

As sobretensões acopladas de forma transitória podem provocar danos tanto no dispositivo de campo como na parte central. Por isso, equipe ambas as estações terminais com proteção contra sobretensão para a tecnologia MCR.

Dispositivo de proteção contra sobretensões transitórias para sinais com potencial de referência comum

Dispositivo de proteção contra sobretensões transitórias para sinais com potencial de referência comum

Sinais com potencial de referência comum

Os estados de comutação e os contactos de sinal são sinais típicos, registados pelos controladores através de entradas binárias. Além disso, os atuadores também são comutados pelos controladores como válvulas solenoides. Utilize uma proteção contra sobretensão adequada para proteger as entradas e saídas sensíveis dos controladores. Muitas vezes, os sinais binários individuais são comutados contra um potencial de referência comum. As habituais medidas de proteção, que consideram o envolvimento deste potencial de referência comum, são oferecidas pelos denominados circuitos 2X1 ou 4X1.

Dispositivo de proteção contra sobretensões transitórias para medições em função da resistência

Dispositivo de proteção contra sobretensões transitórias para, por ex., medições Pt 100

Medições em função da resistência

Caso uma grandeza de medição seja determinada diretamente através do valor de resistência de um componente elétrico, as impedâncias adicionais dentro do circuito de medição desempenham um papel importante. Isso refere-se, por ex., a medições de temperatura com resistências de medição de platina (PT 100, PT 1000), mas também a extensómetros com tecnologia de dois fios.  Geralmente, os produtos de proteção contra sobretensão MCR recebem impedâncias nos circuitos longitudinais.  Se as impedâncias forem aplicadas no circuito sem recalibração, a alteração da impedância total distorce parcialmente o resultado de medição. As variantes de circuitos sem resistências longitudinais adicionais simplificam a instalação de proteção contra sobretensão nesse género de aplicações.

Proteção contra sobretensão TERMITRAB complete mais estreita para aplicações Ex

Proteção contra sobretensão para aplicações Ex

Aplicações potencialmente explosivas

Na indústria química e petroquímica, formam-se repetidamente atmosferas potencialmente explosivas devido a operações da engenharia de métodos. Estas têm origem, p. ex., em gases, vapores ou névoas que escapam. Em moinhos, silos, refinarias de açúcar, fábricas de rações para animais, as poeiras também podem provocar atmosferas potencialmente explosivas.

Os dispositivos de proteção contra sobretensões transitórias para a área com atmosfera potencialmente explosiva obedecem a condições especiais. Desta forma, os artigos cumprem os requisitos especiais do tipo de proteção contra ignição segurança intrínseca. Considerando que todos os dispositivos de proteção contra sobretensões transitórias para circuitos de segurança intrínseca estão classificados na categoria "Ex ia", oferecem segurança máxima. Nesta categoria, mesmo supondo a existência de dois erros independentes, o equipamento não consegue provocar uma ignição.

A instalação é permitida na zona Ex 1, Ex 2 ou numa área com atmosfera não potencialmente explosiva. O encaminhamento dos sinais ligados é permitido até à zona Ex 0. Adicionalmente, alguns artigos cumprem os requisitos do tipo de proteção contra ignição Encapsulamento à prova de pressão. As certificações estão efetuadas de acordo com a ATEX e a IECEx.

Dispositivo de proteção contra sobretensões transitórias TERMITRAB complete com circuito de proteção de um nível

Dispositivo de proteção contra sobretensões transitórias TERMITRAB complete com circuito de proteção de um nível

Dispositivos de proteção de um nível

Idealmente, um conceito de proteção contra sobretensão está estruturado em vários níveis. Isto significa uma disposição otimizada de componentes de reação rápida, com díodos supressores e dispositivos de proteção potentes como descarregadores de gás. Os varistores são responsáveis por fechar o intervalo formado entre ambos os níveis de proteção. Respondem mais lentamente do que os díodos, mas possuem uma maior capacidade de descarga.

Os dispositivos de proteção de um nível só estão equipados com um componente. São adequados, por ex., para criar uma proteção adicional de cabos compridos provenientes do campo, na entrada de edifícios ou na passagem de diferentes zonas de proteção. Os dispositivos de campo de um nível com proteção contra tensão longitudinal oferecem a proteção contra sobretensões entre os fios de sinal individuais. As variantes com proteção contra tensão transversal garantem a proteção de um fio e da terra.