Plug-in test systems for protection technology and control engineering

Plug-in test systems for protection technology and control engineering

FAME is the innovative, modular plug-in test system for measuring and testing tasks in protection technology for medium-voltage and high-voltage switchgear. The plug-in test system combines complex switching operations for testing the function of current transformers and voltage transducers, as well as tripping and signal contacts. You can now perform manual testing operations automatically, safely, and more quickly.

Mais informações

Vantagens

  • Solução simples e económica em termos de tempo graças à agregação funcional das operações de comutação
  • Segurança máxima graças ao curto-circuito antecipado e automático do transdutor
  • Solução económica graças ao formato modular adaptado às necessidades e à utilização de acessórios padronizados
  • Poupança de espaço graças a réguas de ligação de teste compactas e alvéolos colocados alternadamente
  • Flexível graças à possibilidade de optar pela montagem em parede ou em calha metálica com utilização dos acessórios do sistema CLIPLINE complete padronizados
  • Segurança para o utilizador graças à proteção de choque integrada
  • Clareza graças às possibilidades de marcação de grande superfície e de estados de comutação claramente identificáveis
Verificação de equipamentos de proteção

Verificação de equipamentos de proteção

Sistemas de ligação de teste – a solução certa para qualquer tarefa

É cada vez mais necessário verificar regularmente as instalações de distribuição elétrica e as interfaces. Para manter este esforço de teste adicional neutro em termos de tempo e de custos estão disponíveis os sistemas de ligação de teste FAME.

Os sistemas de ligação de teste agrupam de forma funcional sequências complexas de operações de comutação. Os sistemas garantem a sua segurança por do meio de curto-circuito automático e antecipado do conversor e da proteção de choque integrada. Os sistemas de ligação de teste FAME podem ser estruturados de forma modular, permitindo adaptar os sistemas perfeitamente à sua aplicação. Além disso, os sistemas utilizam os acessórios de ponte padronizados CLIPLINE complete. Assim, dependendo do sistema, a função automática de curto-circuito do conversor pode ser assegurada na régua de ligação de teste ou no conector de teste.
Graças aos alvéolos de teste dispostos alternadamente, as réguas de ligação de teste são executadas de forma compacta. Adicionalmente, todos os sistemas de ligação de teste dispõem de possibilidades de identificação de grande superfície.

Sistemas de ligação de teste em comparação

Sistemas de ligação de teste em comparação
  • FAME 1
    Sistema de ligação de teste com conector operacional e curto-circuito do conversor na régua de ligação de teste.

  • FAME 2
    Sistema de ligação de teste sem conector operacional e curto-circuito do conversor no conector de teste.

  • FAME 3 e FAME 3 SL
    Sistema de ligação de teste sem conector operacional e curto-circuito do conversor na régua de ligação de teste.

  • FAME 3 RACK
    Sistema de ligação de teste sem conector operacional e curto-circuito do conversor na régua de ligação de teste.

Sequência de comutação forçada dos sistemas de ligação de teste FAME 2 e FAME 3 RACK

Teste simples graças à sequência de comutação forçada

Sequência de comutação forçada dos sistemas de ligação de teste FAME 2 e FAME 3 RACK em apenas um bloco

Para ser possível efetuar diferentes tarefas de comutação na sequência de comutação forçada, os sistemas de ligação de teste utilizam duas abordagens diferentes.

Os conectores de teste do sistema FAME 2 dispõem de três diferentes comprimentos de contacto, permitindo-lhe efetuar a sequência de comutação com isolamento temporal seguro com um movimento de encaixe.

Pelo contrário, o sistema de ligação de teste FAME 3 RACK permite a sequência de comutação forçada na régua de ligação de teste, permitindo realizar os testes com economia de tempo e com apenas um conector. Para realizar a sequência de comutação forçada nas réguas de ligação de teste, a régua é composta por discos individuais. Por este motivo, durante a montagem da régua, pode selecionar entre diversos tipos de disco com diferentes pontos de comutação. O disco S, p. ex., possui um atraso do ponto de comutação e uma breve distância em relação ao contacto de ligação. Deste modo, ao encaixar, é comutado por último com um grande atraso. Para além do disco S, o sistema possui discos M e L. Os discos M têm um ponto de comutação com atraso e os discos L têm um ponto de comutação com avanço.

Os sistemas de ligação de teste FAME 1, FAME 3 e FAME 3 SL agrupam as operações de comutação em diferentes blocos, não sendo necessária uma sequência de comutação forçada.

 Funções FAME 3

Funções FAME 3

Curto-circuito automático e antecipado do conversor

No caso de um teste do relé ou para substituir um dispositivo de proteção, os sistemas de ligação de teste FAME podem ser curto-circuitados de forma rápida e simples. Para isso, dependendo do sistema, pode curto-circuitar o transformador de corrente com pontes de encaixe padrão na régua de ligação de teste ou no conector de teste. Deste modo, é efetuado um isolamento antecipado do sinal provocado de forma simples.

Mecanismo com punho rotativo dos sistemas de ligação de teste FAME 2, FAME 3 e FAME 3 RACK

Mecanismo com punho rotativo

Mecanismo com punho rotativo dos sistemas de ligação de teste FAME 2, FAME 3 e FAME 3 RACK

O mecanismo patenteado com punho rotativo dos sistemas de ligação de teste ajuda-o a remover uniformemente o conector de teste do bloco de teste. Através do bloqueio forçado e da breve permanência em diversas posições de comutação daí resultante, o sistema de ligação de teste permite uma elevada segurança para a instalação e o operador.

Assim que o conector de teste estiver completamente encaixado, encaixa de forma segura na régua de ligação de teste. Todos os contactos de teste estão devidamente ligados conforme a estrutura do teste. Rodando o punho a 45° até ao batente, pode desbloquear o conector de teste. Assim, pode extrair o conector até ao nível intermédio. Os contactos do transformador de corrente do sistema de ligação de teste voltam a estar ligados ao dispositivo de proteção. Apenas depois de o punho rotativo regressar à posição original é possível desbloquear o conector e retirar o conector de teste por completo do sistema de ligação de teste. As ligações de sinal originais são restabelecidas.

Mecanismo de encaixe FAME 3 SL

Mecanismo de encaixe FAME 3 SL

Mecanismo de encaixe do sistema de ligação de teste FAME 3 SL

Ao inserir, o conector de teste do sistema de ligação de teste FAME 3 SL encaixa automaticamente na régua de ligação de teste. Os contactos de teste estão ligados de forma segura conforme a estrutura do teste. Depois de terminar o teste, pode soltar o bloqueio, acionando a alavanca cor de laranja. As ligações de sinal originais do sistema de ligação de teste são restabelecidas retirando o conector de teste.

Tipo de montagem dos sistemas de ligação de teste: fixação de parede FAME

Fixação de parede FAME

Tipo de montagem dos sistemas de ligação de teste

Os diversos sistemas de ligação de teste podem ser instalados de formas diferentes.

O sistema de ligação de teste FAME 3 RACK é fixo com parafusos numa moldura de montagem de 19 polegadas. Graças à modularidade do sistema FAME 3 RACK podem ser criadas réguas de ligação de teste com duas unidades de altura e até sete polos, com três unidades de altura e até doze polos e com quatro unidades de altura e até 18 polos. Opcionalmente pode também montar o sistema de ligação de teste FAME RACK diretamente em recortes das placas frontais ou portas do quadro de comando, sem respeitar o formato de 19 polegadas.

Pelo contrário, o sistema de ligação de teste FAME 3 SL foi construído exclusivamente para recortes do painel. O sistema utiliza dois botões de pressão, permitindo o encaixe simples e rápido do sistema de ligação de teste num recorte adequado.

Os sistemas FAME 1, FAME 2 e FAME 3 também são instalados em recortes de placas frontais ou portas do quadro de comando. Aqui, as réguas de ligação de teste são apertadas nos recortes por meio de um mecanismo de parafuso patenteado.

Passagem de condutores para o sistema de ligação de teste FAME na porta do quadro de comando

Passagem de condutores segura para o sistema de ligação de teste FAME na porta do quadro de comando

Passagem de cabos segura para as réguas de ligação de teste

Os sistemas de ligação de teste devem ser frequentemente acessíveis pelo exterior para fins de controlo e operação. Por este motivo, na tecnologia de proteção e de controlo, os equipamentos e as réguas de ligação de teste são montados na porta do quadro de comando.
O braço articulado do sistema de passagem de cabos permite a passagem fácil e segura dos condutores, cabos e cabos multicondutores até à porta do quadro de comando ou até aos suportes de montagem articulados. Rápido, visto que as articulações rotativas patenteadas podem ser abertas e os cabos pré-montados podem ser passados sem ferramenta, mesmo posteriormente.

FAME 3 RACK

FAME 3 RACK

Configurador para os sistemas de ligação de teste modulares FAME

Configure o seu sistema de ligação de teste FAME personalizado para a verificação de funcionamento rápida e simples de transformadores de corrente e de tensão, bem como de contactos de disparo e de sinal.