Diferentes réguas de bornes com ligação de condutor lateral

A família de réguas de bornes PTV

A família de réguas de bornes combina as vantagens da ligação push-in sem ferramentas com a introdução de condutor lateral do borne de parafuso. Os bornes PTV proporcionam-lhe, assim, uma tecnologia de ligação direta e rápida, bem como uma cablagem clara sem ângulos de curvatura em apenas um borne.

Vantagens

  • Montagem e leitura simples da marcação dos condutores e da ligação
  • Cablagem clara sem ângulos de curvatura
  • Ligação de condutor rápida e sem manutenção através de tecnologia de encaixe direto push-in sem ferramenta
  • Remoção fácil do condutor sem ferramenta especial
  • Qualidade do contacto independente do binário graças ao contacto de mola
  • O layout do quadro de comando da cablagem do borne de parafuso pode ser frequentemente utilizado devido à passagem lateral dos condutores
  • Utilização de acessórios CLIPLINE complete
Régua de bornes push-in com passagem de condutores lateral e câmara de contacto transparente

Ligação push-in lateral

Tecnologia Push-in

Com os bornes PTV pode inserir condutores rígidos ou equipados com terminal ponteira diretamente e sem a utilização de ferramentas. O contorno da mola permite o encaixe fácil e sem ferramenta de condutores rígidos a partir de 0,5 mm². A mola de contacto abre-se automaticamente ao inserir o condutor e garante, assim, a força de pressão necessária.

A ligação de condutores flexíveis a partir de 0,14 mm² sem terminal ponteira é concretizada com a ajuda do botão de pressão. Independentemente do tamanho do condutor que utiliza, a mola de contacto garante as máximas forças de extração do condutor e de contacto, bem como uma ligação resistente a vibrações e estanque a gases. A liga de cobre de alta qualidade e com superfície reforçada assegura adicionalmente resistências de contacto mínimas e uma transmissão de corrente máxima.

Bornes de passagem e diversos bornes multi-condutores numa régua de bornes.

Bornes de passagem e bornes multi-condutores

Bornes de passagem e bornes multi-condutores

Bornes de passagem e bornes multi-condutores distinguem-se por uma estrutura compacta. As réguas de bornes podem ser ligadas em ponte de forma flexível e podem ser marcadas de forma simples e rápida. Além disso, os bornes podem ser verificados rápida e facilmente através da sua ligação de teste ou no eixo funcional. Por isso, os bornes são considerados os componentes mais universais da tecnologia de ligação.

Vários bornes de dois andares numa régua de bornes

Bornes de dois andares com deslocamento de nível

Bornes de dois andares

Os bornes de dois andares são também réguas de bornes muito compactas com as quais pode realizar dois potenciais em paralelo. Os bornes de dois andares podem ser unidos na horizontal e na vertical graças ao eixo funcional duplo e às diferentes variantes de pontes. Desta forma, podem ser unidos não apenas bornes adjacentes, mas também os diferentes níveis.

Os bornes de dois andares possuem ainda um deslocamento de nível. Este deslocamento permite-lhe o livre acesso ao nível de ligação inferior e respetivo botão de pressão, mesmo com cablagem completa.

Bornes porta-fusível numa régua de bornes

Bornes porta-fusível

Bornes porta-fusível

Os bornes porta-fusível PTV permitem integrar fusíveis do tipo G 5 x 20 no seu sistema de forma compacta e clara. Pode substituir os fusíveis de forma rápida e confortável graças a uma alavanca oscilante.

Com as indicações óticas, os fusíveis com falhas são identificados de forma rápida e independentemente do sentido da corrente. Graças às ligações de condutor laterais, pode abrir as alavancas dos bornes porta-fusível completamente e sem problemas com o condutor ligado.

Bornes seccionáveis e bornes seccionadores numa régua de bornes

Bornes seccionáveis e bornes seccionadores

Bornes seccionáveis e bornes seccionadores

Os bornes seccionáveis PTV com ligação de condutor lateral garantem, em condições de espaço limitadas, um seccionamento claro das correntes de sinal. O portfólio de produtos dos bornes é constituído, por um lado, por variantes com eixo funcional e, por outro, por variantes sem eixo funcional.

Os circuitos dos bornes seccionadores podem ser abertos facilmente com uma chave de parafusos padrão. Através do bloqueio da alavanca seccionável na posição final, os estados de comutação dos bornes seccionadores estão permanentemente assegurados e são sempre identificados de forma inequívoca. Por outro lado, os bornes seccionáveis PTV possuem uma zona de separação na qual pode inserir diferentes conectores funcionais sem ferramentas.

Para assegurar uma possibilidade de verificação ideal, apesar do eixo funcional equipado, os bornes possuem ligações de teste duplas. Estas ligações de teste garantem uma possibilidade de verificação simples e segura. O contacto de grande superfície nas barras de corrente garante resultados de verificação fiáveis.

Zona de separação dos bornes seccionáveis base, incluindo diversos conectores funcionais

Zona de separação multifuncional

Zona de separação multifuncional

Os bornes seccionáveis PTV possuem uma zona de separação normalizada. A zona de separação aloja diferentes conectores, como, por exemplo, conectores porta-fusível, porta-componentes, conector passa-painel e conector de isolamento. Esta variação proporciona-lhe um ajuste individual da sua instalação de distribuição elétrica. Implemente o conector funcional. Transforme um borne seccionável num borne de componente, borne porta-fusível ou borne de passagem de forma rápida e descomplicada.

Réguas de bornes seccionáveis com alvéolo integrado

Bornes seccionáveis de transdutor com alvéolo integrado

Bornes seccionáveis de transdutor

A área de aplicação dos bornes seccionáveis de transdutor abrange todas as aplicações na cablagem secundária de instalações de distribuição elétrica para conversores e sinais. Os bornes de conversor estão disponíveis com uma secção transversal nominal de 6 mm² e possuem uma tensão nominal até 1000 V e uma corrente nominal até 30 A.

Os bornes de conversor distinguem-se por, na variante 6/S, os alvéolos poderem ser opcionalmente adicionados como acessórios. Na variante 6/S-P, os alvéolos de 4 mm estão integrados logo no momento da entrega. A variante que escolhe depende das características que pretende priorizar.

Com a variante com alvéolos integrados poupe tempo e dinheiro na construção da sua cablagem. Na variante sem alvéolos integrados pode aplicar o alvéolo isolado da Phoenix Contact. Assim, as tarefas de verificação e medição também são possíveis com cabos de medição à prova de toque, conforme a IEC EN 61010-031.

Proteção contra sobretensão push-in tipo 2

Proteção contra sobretensão push-in tipo 2

Proteção contra sobretensão push-in tipo 2

Com o VAL-MS-PT pode utilizar o primeiro equipamento de proteção contra sobretensões transitórias do tipo 2 do mundo com tecnologia de ligação push-in. O PTV está integrado no equipamento de proteção contra sobretensões transitórias, oferecendo assim vantagens comprovadas na instalação, também nesta área. É eliminada a verificação do binário de aperto recomendado.
Adicionalmente, deixa de ser necessário outro material de instalação graças à possibilidade de cablagem de passagem. Use o contacto de sinalização remota opcional para garantir a monitorização dos dispositivos de proteção, que também pode ser instalado de forma intuitiva na cablagem de passagem.