Voltar para a visão geral

Instalações eólicas

As instalações eólicas situadas em locais expostos, como, por exemplo, parques eólicos offshore, estão expostas a um elevado risco de queda de raios. Normalmente é muito difícil, ou até mesmo impossível, implementar neste tipo de instalações uma medida completa de proteção contra raios. Nestes casos é utilizado o sistema de medição de descargas atmosféricas.

Esquema de princípio de uma aplicação LM-S no exemplo de uma instalação eólica

Esquema de princípio de uma aplicação LM-S no exemplo de uma instalação eólica

A figura apresenta a disposição de cada componente do sistema em uma instalação eólica. Em cada condutor de descargas atmosféricas das pás está montado um sensor. A unidade de avaliação se encontra em um quadro de comando no cubo. A conexão de sinal entre os sensores e a unidade de avaliação é efetuada através de fibra óptica. A conexão Ethernet ao controlador central é estabelecida através de anéis coletores entre a nacelle e a plataforma de observação. A unidade de avaliação funciona com uma tensão contínua de 24 Volt.
 
Se necessário, o contato remoto é conectado no controlador. Assim é possível sinalizar adicionalmente cada queda de raio ou avaliar o número de eventos.

PHOENIX CONTACT
Ind. Com. Ltda.

Av. das Nações Unidas, 11.541,
19º andar - Brooklin Paulista
04578-000 - São Paulo/SP - Brasil
CNPJ 68.404.912/0001-62
(11) 3871-6400 (PABX)