Voltar para a vista geral

Disjuntor eletrónico de proteção de equipamentos

Os disjuntores eletrónicos de proteção de equipamentos possuem uma limitação ativa de correntes de curto-circuito e de sobrecarga de 1,25 vezes a corrente nominal. Tal protege a fonte de alimentação contra correntes demasiado elevadas e sobrecarga correspondente, impedindo a queda de tensão de saída na fonte de alimentação comutada.

Desta forma, é possível planear quase totalmente a potência de ligação de uma fonte de alimentação de tensão contínua. São possíveis condutas mais longas entre a fonte de alimentação e o consumidor, sem influenciar negativamente o comportamento de encerramento.

Montagem

Disjuntores eletrónicos de proteção de equipamentos  

Disjuntores eletrónicos de proteção de equipamentos

Legenda:

  1. Interruptor de ligar/desligar (Reset)
  2. Indicação de estado
    Verde = comutado
    Amarelo = limitação de corrente
    Vermelho = desligado
  3. Placa de circuito impresso com sensor de corrente
Voltar para cima

Função

O sensor integrado mede constantemente a corrente existente e, em caso de corrente de sobrecarga ou curto-circuito, desliga no prazo de 100 a 800 milissegundos.

Ao contrário dos disjuntores termomagnéticos de proteção de equipamentos, estes dispositivos de proteção comutam eletronicamente através de um transístor. Não existe nenhuma interrupção galvânica do circuito com um contacto de comutação mecânico.

Voltar para cima

Esquema de funcionamento

Esquema de funcionamento de um disjuntor eletrónico de proteção de equipamentos

Esquema de funcionamento de um disjuntor eletrónico de proteção de equipamentos

Legenda:

1. Power in (Line +)
2. Power out (Load +)
a. Reset in
b. GND (Ground)
c. Status out

Voltar para cima

Curva característica de disparo

Curva característica de disparo de um disjuntor eletrónico de proteção de equipamentos  

Curva característica de disparo de um disjuntor eletrónico de proteção de equipamentos

Mesmo com uma elevada resistência do cabo, os disjuntores eletrónicos de proteção de equipamentos disparam poucos milissegundos após um curto-circuito. A corrente apresenta um valor máximo de 1,25 vezes a corrente nominal, mesmo em caso de sobrecarga.

Legenda:

t = Tempo de comutação (em segundos)
xl = Múltiplo da corrente nominal/fator de disparo
1 = Mínimo de disparo 1,05 x corrente nominal
2 = Tempo de encerramento máximo 800 ms (conforme a corrente nominal)
3 = Tempo de encerramento mínimo 80 ms (conforme a corrente nominal)
4 = Máximo de disparo 1,45 x corrente nominal
5 = Limite de corrente com 1,25 x corrente nominal

Voltar para cima

Phoenix Contact S.A.

Sintra Business Park,
Edifício n°1
Zona Industrial da Abrunheira
2710-089 SINTRA

Horário: 9h -13h e 14h -18h
(+351) 21 911 2760

Este website usa cookies. Ao continuar a navegar, está a concordar com a nossa política de cookies. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade.

Fechar