Do invólucro eletrónico ao módulo para quadro de distribuição para AS-Interface

Resumo

Módulo para quadro de distribuição AS-I KE5 da Pepperl+Fuchs  

O módulo para quadro de distribuição AS-I KE5 para sistemas de enchimento para bebidas

  • Na construção de sistemas, por exemplo para a indústria das bebidas, são cada vez mais importantes soluções eficientes a nível de custos e fáceis de instalar.
  • Os módulos compactos nos níveis de campo inferiores com um grande número de pontos de ligação são cada vez mais raros.
  • Em estreita cooperação com a Phoenix Contact, a Pepperl+Fuchs desenvolveu o módulo para quadro de distribuição KE5 que preenche esta lacuna.
  • A partir deste projeto específico para um cliente, a Phoenix Contact colocou no mercado a gama de invólucros ME-IO.

Perfil do cliente

Câmara EMC da Pepperl+Fuchs em Mannheim  

Câmara EMC da Pepperl+Fuchs em Mannheim

No que diz respeito a proteção elétrica contra explosão e sensores, a empresa Pepperl+Fuchs é considerada pioneira e inovadora por clientes de todo o mundo.

Na sede de Mannheim da Pepperl+Fuchs tem lugar, entre outras coisas, o desenvolvimento e o marketing, situando-se também aqui os laboratórios.

Requisito

Dr. Konrad Kern (à esquerda), Gestor de Produtos, e Eng. Frank Ebert, Desenvolvedor, Pepperl+Fuchs  

Dr. Konrad Kern (à esquerda) e Eng. Frank Ebert

O percurso desde o desenvolvimento de um novo dispositivo até à utilização efetiva no utilizador final costuma ser muito longo. Por esse motivo, não é habitual que os requisitos detalhados a nível de dispositivos dos utilizadores finais cheguem logo aos desenvolvedores de componentes.

"Com a Phoenix Contact enquanto especialista em invólucros eletrónicos e tecnologia de ligação de placa de circuitos impressos, conseguimos adaptar os nossos requisitos a nível de construção de sistemas para a indústria de bebidas exatamente aos componentes", relembra o Dr. Konrad Kern, gestor de produtos para automação industrial na Pepperl+Fuchs GmbH em Mannheim.

"A AS-Interface (AS-i, Actuator-Sensor-Interface) desempenha um papel importante nos principais fabricantes de sistemas de enchimento", refere Kern. Desenvolvida como padrão para a comunicação de bus de campo para ligação de atuadores e sensores, a AS-i proporciona atualmente não só uma excecional relação preço/desempenho, como também é extremamente popular como sistema de interface descentralizado graças à sua simplicidade e flexibilidade.

Solução

Invólucro ME-IO e módulo para quadro de distribuição KE5  

O invólucro ME-IO serve de "embalagem" para o módulo para quadro de distribuição KE5

Enquanto principal fornecedor de soluções As-i, com a série de dispositivos KE5, a Pepperl+Fuchs conseguiu desenvolver um sistema eficiente com um formato compacto. Com uma largura total inferior a 19 mm, na área frontal existem 28 pontos de ligação facilmente acessíveis. "Conseguimos aumentar a densidade de integração em 50% face a outras soluções", indica Kern, falando das vantagens.

Tanto a interface AS-i como a AUX precisavam, até agora, de possuir um dispendioso loop-through através de mangas finais com par de condutores trançado. "O nosso módulo KE5 utiliza o conector shuntado de forma a que AS-i e AUX sejam ligados através de quatro pontos de ligação adicionais", explica o Eng. Frank Ebert, diretor de desenvolvimento responsável pelo projeto KE5, "e tudo isto com uma carga de corrente completa de 8 A".

Para o isolamento galvânico de saídas de comutação também foram desenvolvidos módulos de relé para a ligação de sistemas de terceiros com diferentes potenciais. Além disso, os módulos de relé permitem comutar 230 VCA com maior carga. "Os módulos possuem um novo design de placa de circuitos impressos de forma a que a AS-i e a AUX possam ser separadas uma da outra em segurança", refere Kern. "Esta segurança funcional é importante para que os módulos KE5 também possam ser utilizados em aplicações de segurança para multiplicação de saídas".

Assim, é possível implementar conceitos de segurança de máquinas de forma especialmente simples e económica – por exemplo, o desligamento seguro através de AUX com multiplicação descentralizada através das saídas AUX do módulo KE5. "Todos os sinais de sensor continuam disponíveis através das entradas no módulo", complementa Kern, "e mesmo com a energia auxiliar desligada, o utilizador final recebe todas as informações relevantes sobre o estado do sistema".

A gama de invólucros ME-IO da Phoenix Contact permite, com uma largura total de apenas 18,8 mm, implementar até 54 polos de ligação encaixáveis na parte frontal. O sistema de invólucro foi concebido de acordo com um princípio modular – diferentes variantes de comprimento a nível de coberturas e perfis de conectores possibilitam uma grande variedade de combinações de ligação.

Resultado

Soluções orientadas para o utilizador surgem de uma cooperação atempada e intensiva entre os parceiros envolvidos. Isto é comprovado pela Phoenix Contact enquanto especialista em invólucros eletrónicos e tecnologia de ligação e pela Pepperl+Fuchs enquanto promotora de inovação a nível de AS-i.

Para os requisitos da construção de sistemas, foi desenvolvido um inovador módulo para quadro de distribuição para sistemas de enchimento para bebidas. A inovadora tecnologia de ligação no invólucro é extremamente eficiente e o conector de mola push-in permite uma ligação confortável e sem ferramenta. Os conectores codificáveis podem ser soltos rapidamente através de um sistema de bloqueio para uma troca de aparelhos que visa a facilidade de manutenção. A comunicação entre os módulos é realizada através de um conector de bus para calha DIN.

Phoenix Contact S.A.

Sintra Business Park,
Edifício n°1
Zona Industrial da Abrunheira
2710-089 SINTRA

Horário: 9h -13h e 14h -18h
(+351) 21 911 2760

Outras informações

Referrer:

Este website usa cookies. Ao continuar a navegar, está a concordar com a nossa política de cookies. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade.

Fechar