Tráfego de navios fluido graças à automação das eclusas no porto de Zeebrügge

Visão geral

Sistema de eclusas no porto de Zeebrügge  

Sistema de eclusas no porto de Zeebrügge

  • Um dos mais importantes portos da Europa situa-se em Zeebrügge. Trata-se do segundo maior e do mais moderno local de transbordo marítimo da Bélgica.
  • Os crescentes requisitos de segurança exigem uma sinalização confiável e diagnosticável do sistema de eclusas.
  • A Phoenix Contact desenvolveu luzes de sinalização compatíveis com bus de campo para a integração no sistema de eclusas.
  • Os componentes, os sistemas e as soluções da Phoenix Contact permitem a passagem segura da eclusa Pierre van Damme e uma troca de mercadorias sem problemas.

Perfil do cliente

Eclusa Pierre van Damme no porto de Zeebrügge  

Eclusa Pierre van Damme no porto de Zeebrügge

Paralelamente a muitos outros bens diversificados, no porto de Zeebrügge são expedidos, sobretudo, veículos de passageiros de vários fabricantes para todo o mundo.

Os navios porta-contentores transportam, a partir daí, 2,2 milhões de automóveis por ano para todo o globo, fazendo da cidade belga a maior plataforma de veículos ligeiros do mundo. Para o chamado tráfego ro-ro (roll-on, roll-off), Zeebrügge é igualmente o porto europeu mais importante.

Aplicação

Luzes de sinalização no porto de Zeebrügge  

As luzes de sinalização indicam os comandos mais importantes

Devido aos crescentes requisitos de segurança, os responsáveis pelo porto de Zeebrügge solicitaram uma sinalização confiável e diagnosticável no sistema de eclusas. Um requisito importante consistia em uma fonte de alimentação redundante, um sistema de bus de campo igualmente redundante e uma elevada disponibilidade da capacidade de diagnóstico.

Além disso, as luzes de sinalização deveriam cumprir os requisitos da IALA E200-1 e da EN 12699 e ser adequadas para as difíceis condições ambientais do ambiente marítimo.

Solução

Controlador Inline  

Controladores Inline para a comunicação com as luzes de sinalização

A Phoenix Contact desenvolveu luzes de sinalização compatíveis com bus de campo e, juntamente com um integrador de sistemas, as instalou no sistema de eclusas. As luzes de sinalização da família de produtos CSD-SL, disponíveis nas cores vermelho, verde, amarelo e branco, cumprem os requisitos da IALA E200-1 e da EN 12699.

Paralelamente ao extraordinário alcance de iluminação, as luzes convencem com a sua fonte de alimentação redundante e o sistema de bus de campo igualmente redundante. Duas fontes de alimentação e dois módulos de bus de campo separados garantem, desta forma, uma elevada disponibilidade bem como a capacidade de diagnóstico. A caixa das luzes de sinalização e a tecnologia de conexão foram concebidas tendo em vista as difíceis condições ambientais do ambiente marítimo.

Sistema de eclusas no porto de Zeebrügge  

A tecnologia de automação da Phoenix Contact assegura uma entrada segura

Tecnologia de comando redundante e com base em PROFINET

Os controladores da Phoenix Contact utilizados no sistema de eclusas transmitem, em tempo real, os dados das luzes de sinalização a um controlador sobreposto através do protocolo Ethernet PROFINET. Os colaboradores da central podem ler as informações do sistema de sinalização, tais como a luminosidade atual, a corrente, a tensão e o estado dos LEDs, bem como a intensidade luminosa que atua sobre a luz.

Adicionalmente ao diagnóstico das luzes de sinalização, é possível controlar individualmente cada um dos LEDs. O controlador da Phoenix Contact grava os dados diagnosticados diretamente em um banco de dados SQL, o que garante um arquivo seguro. Para a automação das quatro pontes levadiças do sistema de eclusas e da correspondente tecnologia de segurança, são utilizados muitos outros componentes e sistemas da Phoenix Contact, tais como, por exemplo, as conceituadas réguas de terminais, relés, controladores, módulos I/O e conversores de sinais.

O controle das luzes de sinalização é realizado mediante uma ligação de fibra ótica através do protocolo PROFINET. Os comandos são comunicados ao mini-controlador ILC 171 ETH 2TX, compatível com PROFINET, através de switches. A cada um dos mastros com oito metros de altura, nos quais foram montadas as luzes de sinalização, pertencem dois ILC 171 ETH 2TX com o respectivo mestre de bus de campo. Se um trajeto de comunicação falhar, o outro controlador assume as suas funções e comunica a avaria à central.

Resumo

As luzes de sinalização e a tecnologia de automação da Phoenix Contact garantem que o processo das eclusas no porto de Zeebrügge funcione perfeitamente para todos os envolvidos.

Através das luzes de sinalização, o capitão recebe os comandos mais importantes durante todo o processo, desde o fecho das barreiras no lado da eclusa correspondente, passando pelo nivelamento dos níveis, até a abertura da comporta. Os componentes, os sistemas e as soluções da Phoenix Contact permitem assim a passagem segura da eclusa Pierre van Damme e, consequentemente, uma troca de mercadorias rápida e segura.

Produtos

DescriçãoTipoCódigo
Controlador modular Inline com protocolos Modbus/TCP e PROFINET baseados na EthernetILC 171 ETH2700975
Luz de sinalização com LED, 300 mm, vermelhoCSD-SL 300 RD2701788
Luz de sinalização com LED, 300 mm, verdeCSD-SL 300 GN2701786
Luz de sinalização com LED, 300 mm, amareloCSD-SL 300 YE2701787
Terminal de derivação INTERBUS com acessórios
(conector de encaixe e campo para identificação)
IBS IL 24 RB-T-PAC2861441
DescriçãoTipoCódigo
Controlador modular Inline com protocolos Modbus/TCP e PROFINET baseados na EthernetILC 171 ETH
Luz de sinalização com LED, 300 mm, vermelhoCSD-SL 300 RD
Luz de sinalização com LED, 300 mm, verdeCSD-SL 300 GN
Luz de sinalização com LED, 300 mm, amareloCSD-SL 300 YE
Terminal de derivação INTERBUS com acessórios
(conector de encaixe e campo para identificação)
IBS IL 24 RB-T-PAC

PHOENIX CONTACT
Ind. Com. Ltda.

Rua Francisco Corazza, 20 a 100
Pq. Residencial da Lapa
São Paulo/SP CEP: 05038-130
(11) 3871-6400 (PABX)

Referrer: