Voltar para a visão geral

Switches gerenciáveis 2200 e 2300

Quatro switches gerenciáveis 2200 com diferentes características de porta

Graças a uma colocação em funcionamento simples e a uma grande diversidade de variantes com funções diferenciadas em função das aplicações, os switches gerenciáveis 2200 e 2300 possibilitam um gerenciamento econômico de sua rede Ethernet. Para além de um âmbito de funções ampliado, os switches oferecem uma comunicação via fibra óptica e permitem uma utilização flexível graças a certificações para a área marítima e a indústria de processos.

Utilização flexível

Módulo SFP no switch 2200  

Portas SFP permitem uma utilização ainda mais flexível dos switches com cabos de fibra óptica

Os switches​ universais 2200 e 2300 dispõem de cinco a 16 portas e de diferentes interfaces de fibra óptica (SC, ST/BFOC, SFP). ​Desse modo, o grande número de variantes não serve somente para você escolher a constelação de portas ideal para a sua aplicação, mas com as variantes da série 2300 você também pode beneficiar de comunicação de gigabits.

Adicionalmente, os switches gerenciáveis têm certificações para aplicações marítimas (GL/DNV, BV, ABS, LR, RINA) e a indústria de processos (ATEX, IECEx). ​Por esse motivo, não são somente adequados para a utilização na construção de instalações e na área das infraestruturas, mas também para a área de processo e aplicações marítimas. Graças à faixa de temperatura ampliada (-40 °C até +70 °C) e à alimentação de tensão redundante, elas podem ser também utilizadas em condições ambientais adversas.

Integração ideal em redes PROFINET e EtherNet/IP™

Logotipo PROFINET e EtherNet/IP​​​​™  

Os switches gerenciáveis de utilização universal suportam funções PROFINET e EtherNet/IP™

Graças ao dispositivo PROFINET integrado, os switches gerenciáveis 2200/2300 suportam a classe de conformidade B e permitem a configuração e o diagnóstico completos através de PC Worx ou de TIA Portal. Os switches podem ser utilizados no anel de MRP como gerenciador ou como cliente. Além disso, com LLDP os switches suportam a determinação automática da topologia de rede.

Para redes EtherNet/IP™, as funções dos switches suportam a filtragem Multicast (​IGMP-Snooping​, ​IGMP-Querier​, ​Multicast​ ​Source​ ​Detection​).

Redução dos tempos de paralisação

Topologia MRP  

Os FL SWITCH 2200/2300 suportam o mecanismo de redundância MRP

Os mecanismos de redundância são especialmente importantes para redes à prova de falhas. Os switches gerenciáveis​ 2200/2300 suportam diferentes mecanismos de redundância como RSTP, ​Large Tree Support​, ​Fast Ring Detection​ e Media Redundancy Protocol (MRP). Assim, independentemente do fabricante, os switches garantem a redução dos tempos de paralisação através da redundância de mídia. Além disso, estas funções permitem a prevenção de erros de rede resultantes de circuitos conectados por acidente e permitem uma estrutura circular em ambientes PROFINET.

Adicionalmente, os erros na rede podem ser rapidamente localizados e eliminados graças a inúmeras funções de diagnóstico. Assim, em caso de manutenção remota também é possível acessar informações importantes do equipamento.

Em caso de uma falha do equipamento, as funcionalidades de servidor DHCP para a atribuição de endereço IP facilitam a substituição fácil e rápida do equipamento com defeito.

Inúmeras possibilidades de configuração para a colocação em funcionamento flexível de sua rede

Possibilidades de configuração do FL SWITCH 2200/2300  

Os switches gerenciáveis 2200/2300 oferecem inúmeras possibilidades de configuração

Você pode escolher na configuração dos switches gerenciáveis. Os FL SWITCH 2200/2300 podem ser configurados de forma cômoda com um cartão de memória através do slot para cartões SD na parte de trás do equipamento. Assim, em caso de uma falha do equipamento, não é necessário reconfigurar o equipamento de reposição, sendo suficiente equipá-lo com o cartão de memória. Se preferir a configuração através de uma interface web, os switches oferecem um gerenciamento baseado em web fácil de utilizar.

​Os switches suportam SNMP​ para a configuração através de um software de gerenciamento, como o FL NETWORK MANAGER​ ou diretamente desde o controlador. ​Se desejar configurar diretamente os equipamentos, sem recorrer a uma interface web ou um software, são adequados os comandos CLI ou o botão Smart-Mode no equipamento.

FL SWITCH 2200 e 2300 em resumo

 FL SWITCH 2200FL SWITCH 2300
Velocidade de transmissão10/100 MBit/s10/100/1000 MBit/s
Contato de alarmesimsim
Faixa de temperatura-40 °C ... +70 °C-40 °C ... +70 °C
Tensão de alimentação12 ... 57 V DC (redundante)12 ... 57 V DC (redundante)
Funções de filtragem  
Quality of Servicesimsim
VLANsimsim
Multicast / IGMP-Snoopingsimsim
Redundância  
Rapid Spanning Tree (RSTP)simsim
Gerenciador MRP / clientesim / simsim / sim
Fast Ring Detection (FRD)simsim
Large Tree Supportsimsim
Redundância circular alargada 15 msnãonão
Funções de gerenciamento  
Port Configuration, Statistics and Utilizationsimsim
Link Layer Discovery Protocol (LLDP)simsim
Address Conflict Detection (ACD)simsim
Servidor DHCPPool-/Port-based, opção 82Pool-/Port-based, opção 82
Command Line Interface (CLI)simsim
Protocolos de automação  
Classe de Conformidade PROFINETBB
Dispositivo PROFINETsimsim
EtherNet/IP™,
Filtragem Extended Multicast
simsim
CertificaçõesCertificações marítimas, ATEX, IECEx Certificações marítimas, ATEX, IECEx 

Aqui você acessa a lista dos switches gerenciáveis 2200 e 2300.

PHOENIX CONTACT
Ind. Com. Ltda.

Rua Francisco Corazza, 20 a 100
Pq. Residencial da Lapa
São Paulo/SP CEP: 05038-130
CNPJ 68.404.912/0001-62
(11) 3871-6400 (PABX)