Voltar para a visão geral

História e desenvolvimento

Um dos sistemas de bus de campo mais amplamente utilizado ao nível internacional é o INTERBUS. Este assume duas tarefas na tecnologia de automação. Por um lado, o INTERBUS transmite dados entre o PLC (controlador lógico programável), o software ou, por exemplo, comandos de robô. Por outro lado, o sistema conecta atuadores, sensores, equipamentos de comando e acionamento no campo.

Padrão reconhecido

Logotipo INTERBUS  

O sistema de bus de campo INTERBUS normalizado

Para uma solução de automação próxima do processo, é sempre importante dispor de uma rápida transmissão de dados (< 5 ms) entre os comandos e os equipamentos de campo. O INTERBUS transmite sinais com tempo equidistante e garante uma elevada segurança da transmissão de dados.

O sistema INTERBUS é um desenvolvimento próprio da Phoenix Contact. Está disponível desde 1987 na tecnologia de automação. O sistema aberto consolidou desde então a sua posição como transmissão serial de dados na área dos sensores/atuadores.

O INTERBUS é um sistema de bus de campo normalizado: está padronizado conforme EN 50254 europeia, IEC 61158 internacional e a DIN 19258 da Alemanha.

Chips de protocolo INTERBUS

Chips de protocolo INTERBUS  

Chips de protocolo INTERBUS

Os chips de protocolo INTERBUS são os componentes eletrônicos mais importantes em um sistema INTERBUS. Funcionam como acopladores no módulo de distribuição INTERBUS e nos respectivos módulos.

Devido aos diferentes requisitos para o sistema INTERBUS, a Phoenix Contact desenvolveu vários chips de protocolo próprios:

  • Soluções para o módulo de distribuição INTERBUS (chip de protocolo mestre)
  • Soluções para módulos INTERBUS (chip de protocolo escravo)

Voltar para a visão geral
Outras informações
  • História e desenvolvimento

PHOENIX CONTACT
Ind. Com. Ltda.

Rua Francisco Corazza, 20 a 100
Pq. Residencial da Lapa
São Paulo/SP CEP: 05038-130
CNPJ 68.404.912/0001-62
(11) 3871-6400 (PABX)